Esporte Ágil - Paratletas de MS conquistam 10 medalhas em prova nacional
Tiro | Da redação | 04/03/2016 09h14

Paratletas de MS conquistam 10 medalhas em prova nacional

Compartilhe:

Os atletas da Associação de Reabilitação de Paradesporto Pantanal (ARPPMS) participaram da 1ª Copa Brasil de Tiro Esportivo Paralímpico, disputada na Federação Brasiliense de Tiro Esportivo (FBTE), em Brasília (DF) nos dias 19 a 21 de fevereiro. A competição marcou o início das disputas da modalidade em 2016.

No total, foram conquistadas 10 medalhas nas principais categorias da competição.

O Governo de Mato Grosso do Sul por meio da Fundesporte, acreditando no esporte como ferramenta na construção de valores, parabeniza todos os atletas da Associação ARPPMS pela participação.

O esporte - É uma modalidade onde os atletas podem competir tanto no masculino como no feminino. As regras variam de acordo com a prova, à distância, o tipo do alvo, posição de tiro, número de disparos e o tempo que o atleta tem para atirar. Em cada competição as disputas ocorrem numa fase de classificação e numa final.

O tiro utiliza um sistema de classificação funcional que permite que atletas com diferentes tipos de deficiência possam competir juntos, tanto no individual como por equipes. Dependendo das limitações existentes (grau de funcionalidade do tronco, equilíbrio sentado, força muscular, mobilidade de membros superiores e inferiores), e das habilidades que são requeridas no tiro, os atletas são divididos em três classes: SH1, SH2 e SH3. Mas as competições paraolímpicas incluem apenas as classes SH1 e SH2. A diferença básica entre SH1 e SH2 é que atletas da SH2 podem usar suporte especial para a arma, que obedecem às especificações do IPC. Os atletas da SH3 possuem debilitação visual.

VEJA MAIS
Compartilhe:

PARCEIROS