Esporte Ágil - Skatista de MS vence disputa em SP, mesmo sem local para treinos
Skate | O Estado MS | 28/12/2015 11h47

Skatista de MS vence disputa em SP, mesmo sem local para treinos

Compartilhe:

Mesmo sem local para treinos, skatista de Batayporã, a 311 km de Campo Grande, venceu campeonato disputado no último dia 20, em São Paulo. A história vencedora foi relatada no portal de notícias Nova News, que cobre a região sudoeste do Estado, mostrando que o jovem skatista batayporaense, Lucas Zacchi, venceu um campeonato de skate para iniciantes realizado no Distrito de Primavera, em Rosana (SP). Além do campeonato de skate, o evento contou ainda com disputas de basquete e batalha de rima de MC.

Lucas contou que foi convidado por um skatista de Primavera. Ele e os amigos Alexandre Franco e Lucas Duarte, todos de Batayporã, também participaram das disputas. Lucas se destacou nas provas e obteve a maior pontuação dentro da categoria, fato que o consagrou como o campeão amador 2015.

Conforme o batayporaense, ele pratica o esporte há aproximadamente nove anos. Lucas disse que infelizmente Batayporã não oferece apoio a esse tipo de esporte e por isso não conta com condições de alcançar grandes evoluções. “Para poder treinar, o atleta precisa de um local apropriado e nossa cidade não possui uma pista para a prática desse esporte”, desabafou.

Zacchi explicou que sempre treinou nas calcadas da cidade, fato esse que já o fez levar muitas chamadas de atenção de moradores que alegam que as rodas o skate estragam as calçadas. “Sem muita opção de local para praticarmos o nosso esporte, eu mesmo fiz um corrimão, alguns caixotes e uma rampa que podemos levar para vários lugares e assim deixar e incomodar os moradores”, disse.

De acordo com Lucas, Batayporã conta com muitos adeptos do esporte e necessita de um local específico para o treino. “Precisamos de um local para os treinos, não temos condições de fazer isso, então o jeito é improvisar até que os responsáveis pelo esporte da cidade consigam convencer o Poder Público de que isso é um investimento, e que daqui poderão sair muitos atletas, que levarão o nome de Batayporã para muitos lugares do Brasil”, finalizou.

VEJA MAIS
Compartilhe:

PARCEIROS