Esporte Ágil - Atletas ficam em segundo plano na premiação dos Jogos Escolares Campo-grandenses
Premiações | Da redação/com O Estado MS | 12/06/2013 10h58

Atletas ficam em segundo plano na premiação dos Jogos Escolares Campo-grandenses

Compartilhe:

Campo Grande (MS) - Auditório lotado, atraso na cerimônia e mais diretores e professores recebendo os troféus de campeões do que atletas transformaram a entrega de premiação dos Jec's (Jogos Escolares Campo-Grandenses) em uma grande desorganização. A cerimônia que premiou as escolas campeãs de 2013 foi realizada ontem à tarde no auditório do CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas).

O evento voltado aos atletas começou pelo menos 40 minutos atrasado e só teve início depois da chegada do prefeito Alcides Bernal (PP). Os troféus foram entregues para as escolas que terminaram nas três primeiras colocações nas 11 modalidades disputadas; atletismo, ginástica rítmica, judô,luta olímpica, natação, tênis de mesa, xadrez, basquete, futsal, handebol e voleibol.

Porém, muitos colégios não enviaram atletas para representá-los. Assim, diretores e professores acabaram ocupando lugar de destaque, chegando a sair da cerimônia com mais de um prêmio. A escola estadual Maria Constança de Barros, do bairro Amambaí, melhor colocada entre as redes de ensino público, terceira colocada na categoria 12 a 14 anos, ficou sem representante na entrega de prêmio no voleibol feminino e tênis de mesa.

Já a escola Licurgo de Oliveira Bastos, do bairro Santa Luiza, vice-campeã na faixa etária 15 a 17 anos, enviou somente três atletas do handebol feminino mais o técnico. Sander Arte, responsável pela equipe de handebol e xadrez disse que não foi informado pela organização de que poderia levar atletas de outras modalidades ao evento.

Apesar da desorganização, atletas que chegaram a participar da cerimônia demonstraram satisfação pelos resultados conquistados nos jogos. A judoca Ana Flavia Paes, 14 anos, do colégio Liceu, do bairro Vila Sobrinho, terminou como campeã na categoria meio-leve, até 44 kg. “O ‘escolar’ é bom para testar o nível. Depois que participa vê até aonde podemos chegar. É a segunda vez que eu ganho, no ano passado venci no peso até 33 kg”, comenta.

Os vencedores de cada modalidade representam a Capital no Jems (Jogos Estaduais de Mato Grosso do Sul) e Jojums (Jogos da Juventude de MS). Neste ano, a equipe do Colégio Dom Bosco acabou ficando com o título nas duas categorias.

VEJA MAIS
Compartilhe:

PARCEIROS