Jiu-Jitsu | Da redação | 19/04/2017 09h13

Campo-grandense radicado em Dubai fatura bronze no Mundial

Compartilhe:
Radicado em Dubai há dois anos, Marinho (à dir.) foi bronze no Mundial. Radicado em Dubai há dois anos, Marinho (à dir.) foi bronze no Mundial. (Foto: Divulgação)

O campo-grandense Carlos André Marinho, 44 anos, conquistou no último dia 15 de abril a medalha de bronze Campeonato Mundial de Jiu-Jitsu, realizado em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos. O torneio é realizado todos os anos na capital do país e é organizado pela UAE Jiu-Jitsu Federation.

Ele ficou em terceiro lugar na categoria Faixa Preta Master 3, onde seis atletas estavam classificados para a disputa na divisão. Foi um GP, onde os lutadores enfrentaram todos os oponentes.

Nas cinco lutas que fez, Marinho venceu três -uma por finalização e duas por pontos- e perdeu duas, ambas por pontos. Ele enfrentou atletas da Itália, Japão, Estados Unidos, além do Brasil.

São duas semanas de competição para todas as faixas etárias e gêneros. No sábado passado foi a vez das categorias masculino e feminino Master 3 e 4 (acima de 40 anos), e atletas do paraJiu-Jitsu.

A competição contou com mais de 7 mil atletas inscritos, representando 105 países. O torneio termina no dia 22, com a categoria adulto faixa-preta (principal).

Fundador da Federação de Luta Livre e Submission de Mato Grosso do Sul em 2010, Marinho vive em Dubai com sua família há dois anos. Lá, é professor de jiu-jitsu e ministra aulas para as Forças Armadas do país.

Este ano, conquistou duas medalhas de bronze no circuito da federação local: nos emirados de Ras Al Khaimah e Sharjah.

>> Confira uma entrevista feita com o lutador em 2010

VEJA MAIS
Compartilhe:

PARCEIROS